COVID: Antes de adormecer…


O dia estava prestes a acabar mas Juliana não queria deixar passar em branco o que os seus olhos viram naquela tarde!

Saltou da cama e começou a escrever!


“As ruas estavam silenciosas, despidas e tristes! As lojas fechadas, as portas dos cafés já não abriam de par em par! A afamada e movimentada rua de outrora, dera lugar a um mero local de passagem. As pessoas cruzam-se mas já não se olham e quase nunca se cumprimentam!


Falou com poucas pessoas e por breves momentos, porém, viu amargura, aflição e desespero em quase todas!

Assustada com o que viu, fugiu para casa, o seu porto seguro, e pensou em como algo invisível pode “matar-nos” a todos!

O que será da vida e das famílias donas daquelas portas todas fechadas?

Conseguirão reerguer-se depois de tamanha queda?

Que gritos abafam as senhoras que escondiam os rostos atrás das janelas?


Antes de adormecer, ouviu a chuva pesada lá fora e pensou em todos aqueles rostos e naquelas famílias que esperam e desesperam! E pensou em como é breve o tempo para, logo de seguida se lembrar que os sentimentos são eternos!

Adormeceu, por fim, descansada!

Andreia Abreu

[Os dias de Maria]

Leave a Reply

RECEBE NOTÍCIAS D'A CASA DO JOÃO!

Obrigado por te juntares à Tribo!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: