ONDE NOS INSPIRAMOS PARA ESCREVER?

“Onde te inspiraste para escrever esta história?”. Esta é uma pergunta feita habitualmente pelas crianças quando vamos contar as nossas histórias às escolas.

Foi para explorar esta questão que fiz uma pequena pesquisa junto de alguns escritores e descobri que as nossas fontes de inspiração não são muito diferentes. Apesar das nossas histórias serem muitas vezes pura fantasia, mera ficção, impossíveis de acontecer… é na vida real que tipicamente surge a inspiração para um novo enredo! 

Pode ser uma situação corriqueira do quotidiano, uma conversa com alguém, uma notícia no telejornal, uma birra do nosso filho… Ou pode ser algo fora do normal, uma experiência nova, um acontecimento inesperado. A base é a realidade tal como é aos olhos de quem a vê… e é daí que surge uma nova ideia para escrevermos.

Essa nova ideia começa por andar às voltas dentro da nossa cabeça, letras e palavras encontram-se aqui e ali, às vezes aparecem algumas imagens, e depois aquela mistura transforma-se nos primeiros rabiscos num papel qualquer ou em algumas notas no nosso telemóvel. Então, algo que fazia parte do mundo concreto e palpável, acaba por atravessar uma porta imaginária e entrar num mundo que só pode existir nas histórias e onde tudo pode acontecer. Um mundo onde existem fadas, duendes, elfos, feiticeiros, bruxas…  Um mundo onde há animais e objetos que são capazes de falar, pessoas que são capazes de voar, adultos que têm tempo para brincar ao faz de conta e avós que vivem aventuras radicais.

Porém, o mais surpreendente de tudo isto, o grande segredo da magia das histórias, é que depois de serem publicadas e partilhadas, tudo acontece ao contrário: são as histórias que passam a ser fontes de inspiração para o mundo real e vão influenciar as vidas de todos nós. São elas que nos vão inspirar a perseguir sonhos, a escutar o nosso coração ou a pensar fora da caixa. São elas que nos vão ensinar a ajudar e a respeitar os outros, a conhecer outras culturas e tradições ou a lidar com os nossos sentimentos. São elas que vão alterar o nosso mundo real e fazer-nos a crescer!

E é assim o ciclo das histórias: a realidade inspira as histórias e as histórias inspiram a realidade…!

Sofia Coelho Branco

13 de janeiro de 2020

Leave a Reply

RECEBE NOTÍCIAS D'A CASA DO JOÃO!

Obrigado por te juntares à Tribo!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: