Pippi das Meias Altas fez 75 anos

A Pippi das meias altas, a heroína ruiva de 9 anos de idade dos livros infantis, completou 75 anos no passado dia 21 de maio. O primeiro livro de Pippi das meias altas, escrito por Astrid Lindgren, foi publicado em 1945.
A Pippi das meias altas ganhou vida em 1941, quando a filha de Lindgren, Karin, ficou doente de cama por um longo tempo. Lindgren relata que Karin repentinamente dizia-lhe: “Conte-me sobre Pippi Longstocking”. Claro, Karin disse em sueco, o que significa que ela pediu uma história sobre “Pippi Långstrump”.
As histórias que Lindgren inventou são sobre uma jovem selvagem, mas de bom coração, que morava sozinha numa casa chamada Villa Villekulla. A menina morava com um cavalo e um macaco e estava constantemente a surpreender os seus amigos vizinhos (muito mais normais) com suas aventuras loucas.

Lindgren só começou a escrever as histórias três anos depois de as ter contado à filha. Quando terminou o livro, enviou-o a uma editora conhecida, mas o livro foi recusado.
Lindgren continuou a trabalhar no livro. Em 1945, Lindgren concorreu a um concurso realizado por uma outra editora. A Pippi das meias altas ganhou o primeiro prémio e o livro foi lançado em novembro desse ano.
A Pippi das meias altas tornou-se rapidamente um sucesso entre jovens leitores, que riram das suas piadas e admiraram a sua coragem e vontade de defender o que considerava certo. Quem não amaria uma «miúda» suficientemente forte para levantar um cavalo e disposta a arriscar a sua vida para salvar crianças presas num prédio em chamas?
O livro era menos popular entre alguns adultos, que consideravam a personagem como um péssimo exemplo. Pippi não ia à escola, vivia sozinha e só seguia as regras que queria. Mas com o tempo, o bom coração de Pippi conquistou os leitores de todas as idades.
Pippi também ajudou a mudar as ideias das pessoas sobre o que as meninas podiam fazer. Pipi foi uma das primeiras personagens de um livro infantil a mostrar uma menina como uma pessoa forte e destemida, que não precisava constantemente da ajuda de meninos.
Lindgren escreveu muitos outros livros, incluindo mais de 30 livros para crianças. Ao todo, vendeu mais de 165 milhões de livros.
Mas a Pippi das meias altas continua a ser a sua personagem mais famosa. Os três livros da Pippi das meias altas foram traduzidos para mais de 75 idiomas e foram transformados em vários filmes e programas de TV.
E por que se celebra o aniversário de Pippi a 21 de maio? Porque o dia 21 de maio é o aniversário da filha de Lindgren, Karin, que sugeriu a ideia da escrita destas histórias.

AFP PHOTO / SCANPIX SWEDEN (Photo credit should read -/AFP via Getty Images)

Leave a Reply

Obrigado pr subscreveres a nossa página!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: