A Maravilhosa Viagem de Nils Holgersson Através da Suécia

Selma Lagerlöf assinou, em 1906, um dos primeiros romances ecológicos do mundo.

A Maravilhosa Viagem de Nils Holgersson Através da Suécia resultou de uma encomenda feita à autora para as escolas, com o objetivo de ensinar às crianças a Geografia do seu país. A beleza da escrita de Selma Lagerlöf, a qualidade poética e a celebração do equilíbrio entre o Homem e a Natureza rapidamente transformaram esta história num dos romances mais queridos da literatura mundial. Esta obra, considerada um dos primeiros romances «ecológicos» de sempre, seria adotada em todas as escolas suecas e traduzida para mais de 50 línguas.
A nova edição portuguesa – que representa o mais recente título da coleção Biblioteca dos Tesouros da Sextante Editora – é a primeira traduzida a partir do sueco, reproduzindo integralmente a edição original, publicada em dois volumes, em 1906-1907. Contém as famosas ilustrações que Bertil Lybeck concebeu para a edição de 1931.

A história
Era uma vez um rapaz chamado Nils Holgersson. «Tinha cerca de catorze anos e era alto, magricela e loiro. Esse rapaz pouco sabia fazer: desejava, acima de tudo, dormir e comer, e fazer as suas travessuras proporcionava-lhe também muito prazer.» Até que… um dia acorda transformado num duende. «Se esperar um pouco, transformo-me de novo num ser humano», pensou ele. Profundamente intrigado com a sua nova condição, com «este infortúnio assustador», parte quase que por acidente à aventura, voando no dorso de um ganso por paisagens suecas. Pelo caminho recebe incríveis lições sobre os animais, o país e as boas maneiras.

A autora
Nasceu a 20 de novembro de 1858, em Mårbacka, na província sueca de Värmland, e aí viria a falecer a 16 de março de 1940. Com uma obra profundamente inspirada nas histórias de encantar e lendas populares do seu país, tornou-se, em 1909, a primeira mulher a ser galardoada com o Prémio Nobel da Literatura, «em consideração pelo elevado idealismo, vívida imaginação e espiritualismo que caracterizam os seus escritos». Em 1914, foi nomeada membro da Academia Sueca. É autora de títulos notáveis como A Lenda de Gösta Berling (1891), Os Laços Invisíveis (1894) e O Tesouro (1904).

Leave a Reply

Obrigado pr subscreveres a nossa página!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: