Parabéns Tintim!

O jornalista Tintim viveu a sua primeira aventura há 90 anos!

Este repórter belga, acompanhado pelo seu fiel Fox Terrier e pelo mal-humorado Capitão Haddock marcaram a infância de milhões de pessoas por todo o mundo.

O sucesso da personagem é incontestável e as suas aventuras encontram-se traduzidas em 77 línguas!

Foi em 1929 que se iniciaram as aventuras de Tintim, que ainda hoje encantam muitas gerações!

Foi George Remi, sob o pseudónimo Hergé, que criou o desenho considerado um dos mais populares da BD. O autor morreu em 1983, aos 76 anos, deixando incompleta a história “Tintin e Alpha-Art”.

Reza a história que o desenhador e argumentista belga colocou pela primeira vez a história do repórter no suplemento juvenil “Le Petit Vingtiéme” do jornal “Le Vingtiéme Siécle”. E começou, com apenas 22 anos com uma alegada ridicularização do sistema comunista.

Em Portugal Tintim surgiu pela primeira vez em 1936, na publicação “O Papagaio”.

O sucesso deste herói foi tanto, que, já depois da estreia em Portugal, Tintim ganhou uma revista com o seu nome, Le Journal de Tintin, um periódico que reunia as aventuras do repórter.

Sabias que….

Portugal foi o primeiro país não francófono a traduzir Tintim? Publicado pela primeira vez na revista “O Papagaio”, um suplemento infantil da Rádio Renascença, foi importado pelo diretor, Adolfo Simões Muller, que, numa visita à Bélgica, ficou surpreendido com a qualidade da obra de Hergé.

Tintim dinamizou as páginas da revista juvenil durante 12 anos. O então diretor assegurou que a sua saída não implicaria o fim deste herói por terras lusas, levando-o para outras publicações que dirigiu como “Diabrete”, “Cavaleiro Andante”, “Fogetão” e “Zorro”.

Em 1968 chega a revista “Tintim”, que continuou com as aventuras da personagem que lhe deu nome!

Hergé criou personagens portuguesas?

Oliveira da Figueira foi uma delas, a título de exemplo. Era um comerciante lisboeta, que em “Os charutos do faraó” vende as suas mercadorias no deserto de khemed, um país fictício da história.

Tintim foi símbolo de resistência ao terrorismo?

Consta que em março de 2016, os internautas recorreram à imagem desta personagem para reagir ao ataque em Bruxelas que fez mais de 30 mortos.

Leave a Reply

Obrigado pr subscreveres a nossa página!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: