“Alice no País das Maravilhas” no D. Maria II

Adaptada a partir da obra do escritor britânico Lewis Carroll, publicada em 1865, “Alice no País das Maravilhas” estreia, no dia 27, no Teatro Nacional D. Maria II, em Lisboa.

Ricardo Neves-Neves, diretor do Teatro do Elétrico, encena com Maria João Luís, diretora do Teatro da Terra, esta peça, depois de, em 2015, terem encenado juntos uma adaptação de “Um Conto de Natal”, de Charles Dickens.

O encenador admitiu que só a meio da adaptação da peça se apercebeu que acaba por contar a história de “Alice no País das Maravilhas” através dos diálogos e das personagens de “Alice do Outro Lado do Espelho”, embora a narrativa seja da primeira obra.

A linguagem do autor da obra original é uma linguagem que o encenador aprecia e admira e na qual se sente mais à vontade para encenar, disse o próprio à Lusa.

Tanto Ricardo Neves-Neves como Maria João Luís gostavam de levar esta obra à cena optaram por fazê-lo agora, mas não por se tratar de altura de Natal.

“Alice no País das Maravilhas” tem banda sonora ao vivo e a batida da música respeita os batimentos cardíacos de Alice, acentua o encenador.

A história centra-se em torno da personagem que dá nome à peça e que devido à curiosidade é atraída para uma toca de um coelho, a partir da qual é transportada para um local fantástico povoado por criaturas particulares.

Com tradução de Margarida Vale de Gato, “Alice no País das Maravilhas” tem direção musical de Rita Nunes e direção vocal de João Henriques.

Na interpretação estão Ana Amaral, Beatriz Frazão, Beatriz Maia, Helena Caldeira, Inês Dias, Joana Campelo, José Leite, Leonor Wellenkamp Carretas, Márcia Cardoso, Maria João Luís, Patrícia Andrade, Pedro Lacerda, Rafael Gomes, Sílvia Figueiredo.

A cenografia é de Ângela Rocha, os figurinos de Rafaela Mapril e trata-se de uma produção do Teatro do Elétrico e Teatro da Terra em coprodução com o D. Maria II, com o Cineteatro Louletano e com o Teatro Nacional S. João.

No D. Maria II vai estar em cena até 06 de janeiro, com representações de quarta a sábado, às 19:00, e aos domingos, às 16:00. No dia 06 de janeiro, haverá uma sessão com interpretação em língua gestual portuguesa e uma conversa com os artistas no final do espetáculo.

Leave a Reply

Obrigado por te juntares à Tribo!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: