2019: o ano de Sophia de Mello Breyner Andresen

Um colóquio em maio, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e um concerto no Teatro Nacional de São Carlos são os destaques das celebrações, em 2019, do centenário do nascimento de Sophia de Mello Breyner Andresen.

A programação nacional do centenário da autora de ‘Fada Oriana’ e ‘Menina do Mar’ foi apresentada, no Centro Nacional de Cultura, em Lisboa, e inclui um conjunto de excelentes iniciativas (a não perder).

As iniciativas têm início a 12 de janeiro, no Centro Cultural de Belém, em Lisboa, com o projeto de dança ‘O Cavaleiro da Dinamarca’, pela Escola de Dança do Conservatório Nacional.

O colóquio internacional sobre a obra de Sophia acontece no dia 16 maio, na Fundação Gulbenkian, estando previsto outros colóquios sobre a autora, no Porto e em Lagos, no Algarve, mas também fora do país, nomeadamente no Rio de Janeiro, no Brasil, e em Roma.

O concerto no São Carlos realiza-se precisamente no dia de aniversário de Sophia, que nasceu no Porto, em 06 de novembro de 1919.

A programação inclui um ciclo de cinema na Cinemateca Portuguesa, com filmes dos quais a escritora gostava, disse hoje à Lusa a sua filha Maria Andresen de Sousa Tavares, também poeta.

Na área do cinema está previsto um filme de Margarida Gil, baseado num conto da escritora, enquanto o realizador Manuel Mozos irá dirigir um documentário sobre a autor de ‘O Nome das Coisas’ e ‘Navegações’.

Entre as iniciativas anunciadas, em Lisboa, conta-se igualmente, a colocação de uma lápide evocativa, na travessa das Mónicas, ao bairro da Graça, na casa onde a escritora viveu mais de 60 anos.

A programação inclui, ainda, uma exposição itinerante sobre Sophia.

Veja todas as iniciativas programadas em http://www.centenariodesophia.com

Leave a Reply

Obrigado por te juntares à Tribo!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: