Rir, ler e amar…

Desde que me lembro que sempre fui uma super fã de leituras, escrita e tudo o que estivesse relacionado com artes. Devorava livros em casa e adorava fazer ditados e composições na escola. Por vezes tinha o texto tão bem decorado que conseguia a proeza de terminar o ditado antes da professora.

Tenho agora o sentimento de que os tempos de escola (na sua maioria), foram os melhores da minha vida. Cheguei a receber prémios de honra e ser considerada a melhor aluna do ano no meu curso. Nunca me esquecerei da vez em que tive nota 20 num teste e a professora me disse algo como “nem uma vírgula falhaste!”.

Acredito que por essa razão, ainda que o meu percurso académico e profissional tenha dado muitas voltas, encontrei o meu ponto de equilíbrio quando comecei a escrever para o meu filho. Criei um blog, de forma a imortalizar os registos dos nossos dias, a minha perspetiva de Mãe, a evolução e crescimento do meu filho. Porque as Mães são assim, registam tudo e mais alguma coisa e o que os textos não dizem, as fotos falam por si. É como que um diário em tempo real, para que um dia, o meu filho possa ler-nos e apaixonar-se todos os dias pela leitura, como eu por ele. Ainda assim, enquanto ele não sabe ler, mesmo quando eu já achava que ele seguiria áreas completamente distintas das minhas por não se interessar por livros, eis que me surpreendeu. Bastou mudar hábitos e rotinas na hora de adormecer e hoje já não dorme sem lhe contar uma história. Começou por serem histórias tradicionais de que eu me lembrava da minha infância. Outras que fui conhecendo, outras que inventava. E depois naturalmente criámos um cantinho para os livros no seu quarto e ele mesmo passou a escolher a história do dia. Difícil ficou a escolha, pois agora eu e o Pai estamos sempre de olhos postos em livros novos. Mais do que isso, suscitou nele o interesse de partilhar os seus livros com os colegas da escola. E creio que nenhuma ficou por contar. Por isto, como Mãe, acho espetacular que as crianças gostem, de ler, que saibam que mesmo quando não são ainda capazes de exprimir as suas emoções, podem transmiti-las através da leitura. Ainda no outro dia, antes de voltar à escola, depois de lermos e falarmos sobre o medo de ficar longe dos pais referente à história contada, disse-lhe: “quando tiveres saudades da mamã, lembra-te que estou sempre no teu coração”. Agora escolhe muitas vezes essa mesma e não faz mal nenhum, pois foi desta forma que com os seus 3 anos, ele soube transmitir que entendeu a mensagem e se sentiu mais seguro.

Para não falar das vezes em que é ele que me conta a história a mim e eu adormeço primeiro (outras vezes finjo)! Deixá-los dar asas á imaginação é muito libertador apaixonante, para os filhos e para nós Pais. Não digam a ninguém, mas histórias contadas por crianças, têm um sabor especial e fazem-nos rir á gargalhada…”

Inês Maia

Inês Maia, 27 anos, natural e residente em Aveiro. Casada e Mãe. Deixou para trás qualquer carreira profissional, para se dedicar a um sonho, o Amor da sua vida. Dedicou-se a ser Mãe a tempo inteiro durante 2 anos e uns meses. Escolheu nunca abdicar do seu filho um único dia ou noite. A cada 24h dos seus dias, crescia um sentimento e uma entrega inigualável. Redescobriu-se como Mulher e em todos os segundos da sua vida, confere em si a certeza, de que nasceu para ser Mãe!

No dia em que decidiu dar o passo seguinte na Educação e desenvolvimento do seu filho, começou a escrever! Desde então, tem registado a história das suas vidas, o amor que lhe preenche o peito e alma, na expetativa de que um dia, Ele a possa ler e sentir!

Atualmente Inês dedica-se ao Blog Eu, agora Mãe, á sua marca Dudubaz – serviço de cabazes 100% personalizados e ao projeto pioneiro Pais a Bordo – todos juntos no mesmo barco, um programa de prevenção e combate de Burnout parental.”

Leave a Reply

RECEBE NOTÍCIAS D'A CASA DO JOÃO!

Obrigado por te juntares à Tribo!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: