“Marinheiros da Esperança” narram 7 séculos da Marinha Portuguesa

Crianças internadas em pediatrias do Sistema Nacional de Saúde foram desafiadas a ilustrar o livro “Marinheiros da Esperança” que conta a história dos 700 anos da Marinha Portuguesa. Depois de terem desenhado o mar, as crianças vão agora embarcar no Navio Escola Sagres, numa viagem carregada de sonhos. O prefácio da obra é do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

Era uma vez um livro chamado “Marinheiros da Esperança” que conta a história da Marinha mais antiga do mundo. E o que tem este livro de especial? É o resultado da iniciativa de Ana Maria Príncipe, Emília Dias da Costa, Francisco Espregueira Mendes e Miguel Marques que, inspirados nas comemorações dos 700 anos da criação formal da Marinha Portuguesa, decidiram dedicar uma ação do projeto de voluntariado a que pertencem, inserida em programas pedagógicos para crianças que se encontram internadas em pediatrias, à elaboração desta obra para crianças.

No livro podemos encontrar, de forma resumida, os feitos mais notáveis praticados pela Marinha Portuguesa, desde a sua fundação até à atualidade. “Marinheiros da Espernça” já foi oferecido à Marinha Portuguesa em 2017 mas continua a correr o mundo.

O projeto “Marinheiros da Esperança” nasceu inspirado nas comemorações dos 700 anos da Marinha Portuguesa e resultou num livro que ilustra, com desenhos da autoria das crianças e dos jovens internados nas pediatrias, “momentos da extraordinária relação de Portugal com o mar”, menciona Ana Príncipe. “O livro está a bordo do Sagres para ser entregue às representações diplomáticas portuguesas nos vários postos de mar por onde passou”.

Uma viagem carregada de sonhos e de espaço para a imaginação: as crianças e os jovens internados nas várias pediatrias do país vão poder completar a página em branco que foi deixada no livro que “termina com uma folha em branco para permitir que cada criança possa fazer a sua viagem virtual sobre o futuro”, explica Ana Príncipe, do Hospital de São João, no Porto, e responsável pelos projetos organizados nas pediatrias do SNS.

Perto de 20 crianças internadas em pediatrias vão assim embarcar, por um dia, no Navio Escola Sagres, onde seguem desenhos, feitos por eles próprios, que narram os 700 anos.

A navegar desde 27 de abril, estes desenhos e o livro estão a bordo do Navio Escola Sagres. Partiu de Alfeite e rumou aos Estados Unidos, Canadá, Curaçao e Colômbia, regressando depois a Portugal pelos Açores, além de passar por Faro.

Chega ao fim esta viagem do Navio Escola Sagres a 9 de setembro com o embarque destas 20 crianças e das respetivas famílias. As crianças, internadas no Instituto Português de Oncologia de Lisboa e hospitais de Santa Maria, Santo António, São João, Matosinhos e Viseu, vão entrar a bordo às 09h00 na Marina de Cascais. O desembarque será no final da manhã de domingo, na Base Naval de Lisboa.

Termina a viagem mas o sonho continua! Há mar e mar, há ir e voltar e histórias com final feliz merecem ser partilhadas!

Leia o livro aqui.

Leave a Reply

Obrigado pr subscreveres a nossa página!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: