Livros para ler com os avós…. no dia dos avós 10

João Manuel Ribeiro

A avozinha gangster (David Walliams & Tony Ross, trad. Rita Amaral, Porto Editora, 2014).

Em A avozinha gangster, do mesmo autor do livro anterior, invertem-se os papéis. Neste livro, é a avó que se transfigura, a ponto de se tornar uma gangster, para captar a atenção e a benevolência de Ben, o seu neto. Esta avó é uma típica avozinha, ou seja, com cabelo branco, aparelho auditivo, cheiro “impossível” a couve, vestido florido, chinelos avermelhados, pacote de rebuçados da tosse à mão, lenço sujo enfiado na manga, casaco de malha rosado, queixo peludo, dentadura e óculos grossos. Ou seja: uma avó chata que o neto tem de “gramar” todas as sextas-feiras, quando os pais cultivam o seu amor à dança e ao dançarino Flavio Flavioli. Até ao dia em que bem descobre uma caixa de diamantes e começa a investigar e descobre que a avó é afinal uma ladra de jóias internacionalmente procurada e entregue a uma vida de crime, em que o neto se vê a participar. Ambos, avó e neto, decidem roubar as Jóias da Coroa, que estão guardadas na Torre de Londres, coisa que, depois de caricatos episódios, quase conseguem, não fosse uma inesperada audiência com a própria rainha, e a descoberta por parte do neto de que, afinal, toda aquela “encenação” mais não foi do que uma tentativa de se aproximar dele e de conquistar a sua simpatia. E conseguiu-o, porque no dia do funeral, numa cerimónia monótona e deprimente, «Ben só queria gritar. Queria contar a toda a gente – à mãe e ao pai, aos tios e às tias e a toda a gente! – como a avó era incrível. Como contava histórias espantosas! E, acima de tudo, queria contar-lhes sobre a aventura espetacular que tinha tido com a avó, como quase tinham roubado as Jóias da Coroa e como tinham mesmo conhecido a Rainha. Mas ninguém ia acreditar nele. Bem só tinha 11 anos. Iam achar que ele tinha inventado tudo.»

Um livro hilariante… escrito por alguém que domina a arte da comédia (conhecido pela parceria com Matt Lucas, na série Little Britain) e pelas intervenções efusivas no conhecido programa Britain’s Got Talent. Para todos, pais, avós e netos!

Leave a Reply

Obrigado por te juntares à Tribo!

Algo está errado! Tenta de novo, por favor!

A Casa do João will use the information you provide on this form to be in touch with you and to provide updates and marketing.
%d bloggers like this: